Fernando de Noronha em 7 dias

mar 12, 16 Fernando de Noronha em 7 dias

Fernando de Noronha a natureza em sua maior fonte de inspiração

O paraíso fica na costa oeste do atlântico brasileiro, mais especificamente na altura de Pernambuco. Fernando de Noronha é um arquipélago que incrivelmente foi esculpido pela natureza em sua maior fonte de inspiração.

Atrai turistas do mundo inteiro e, por isso, possui uma política ambiental rigorosa uma vez que, abriga diversas espécies que escolhem o território para reproduzir e gerar os seus filhotes.

 

golfinhos em Fernando de Noronha

 

Antes de viajar é importante saber que a administração da ilha cobra o pagamento de taxa ambiental por cada visitante que pode ser feito pela internet ou logo quando chegar ao arquipélago. Sabendo disso, vamos aportar!

Por falar em turistas do mundo inteiro resolvemos colocar um vídeo feito por Laury Arbeláez Pinzón

 

 

Primeiro dia

Embarque em um voo para chegar o mais cedo possível e curtir tudo com mais calma. Se quiser, agende o serviço de ilha tour, pegue o mapa da ilha e aproveite para agendar também as suas aulas de surfe.

No fim da tarde, há um espetáculo natural na ilha: o pôr do sol. Para começar bem o seu tour vá para o Forte do Boldró, que é um dos melhores cenários de Noronha.

Segundo dia

Você sabia que a praia mais bonita do mundo fica em Fernando de Noronha? Chama-se Praia do Sancho e a mesma possui um mirante que vale a pena conhecer. De lá se avista o cartão postal da ilha: as pedras dos Dois Irmãos.

Aproveite e caminhe em direção a Baía dos Porcos e desça pela escada próxima para passar por entre as fendas até chegar à praia do Sancho que, por sinal, é excelente para se praticar snorkel.

Terceiro Dia

Comece o terceiro dia na Baía do Sueste, onde existe um verdadeiro santuário das tartarugas marinhas. Muito bem cuidadas pelo Projeto Tamar. Você ainda poderá acompanhar a captura intencional das espécies e até mergulhar com elas.

Agora que você já é um especialista em tartarugas pode realizar uma boa caminhada até a bela Praia do Leão que fica a 1,5 km de distância. Descanse um pouco em suas agradáveis areias para seguir em direção a Praia Cacimba do Padre, onde verá mais de perto as pedras dos Dois Irmãos. Nesta praia acontece uma das etapas do WQS – o principal torneio de surfe mundial.

Quarto dia

O dia começa no Porto de Santo Antônio para um passeio de barco que logo terá a bela companhia dos golfinhos até o final do trajeto, que chega até o Portal da Sapata (a parte mais extrema da ilha). Curiosamente há nela uma fenda, cujo formato se assemelha ao desenho do mapa do Brasil.

Termine o dia em estado contemplativo ao observar o pôr do sol na Praia da Conceição, considerado como o melhor fim de tarde.

Quinto dia

Dedique o dia a cultura. Conheça a história da ilha ao visitar o Memorial Noronhense, cuja entrada é gratuita. Depois uma volta até a Igreja Nossa Senhora dos Remédios, que teve suas obras concluídas em 1772.

Quer mergulhar? A dica é a Praia da Atalaia que possui piscina natural e você ainda verá peixes, corais e outras espécies. A noite curta uma música ao vivo no Muzenza.

Sexto dia

Gosta de pedalar? Você pode alugar uma bike para desbravar a ilha sobre duas rodas. Para saber como e onde alugar é só ir aos pontos de informação que ficam na entrada da trilha do Sancho / Golfinho ou na Praia do Sueste.

Encerre o passeio do dia na Fortaleza dos Remédios e curta o pôr do sol com a incrível vista do Mar de Dentro.

Sétimo dia

No último dia em Noronha, você pode partir para uma aventura mais radical e realizar o mergulho a reboque que também é conhecido como prancha sub, onde você será puxado até o Mar de Dentro.

Relaxe na Praia do Cachorro que é uma praia urbana e depois, para fechar, dê uma esticada até a Vila dos Remédios, também conhecido como o centrinho da ilha.

 

E você, o que acha de Noronha? Utilize os comentários abaixo para enviar a sua mensagem.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: